fbpx

Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial – Ludens -Brasil

Home / Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial – Ludens -Brasil

Introdução ao Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial!

Desde 2012 a Ludens traz ao Brasil o Programa de Certificação Internacional em Integração Sensorial Completo, autorizado e reconhecido pela University of Southern California Department of Occupational Science (USC) e Western Psychological Services (WPS).

Em 2016 houve a reestruturação do modelo de certificação e este novo Programa de Certificação em Integração Sensorial passou a ser oferecido exclusivamente pela USC.

Em 2017 em parceria com a Ludens, o Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) oferece uma oportunidade para a prática de terapeutas ocupacionais para adquirir conhecimentos avançados na teoria, princípios, avaliação e intervenção de integração sensorial originados pela Dra. A. Jean Ayres. Para obter este certificado CE, os participantes deverão completar 100 horas de contato dentro dos seguintes Cursos CE, que devem ser completados em ordem numérica:

Nova Estrutura do Programa: A certificação compreende 3 cursos (módulos) + 2 Tópicos Especiais. (100 horas)

Curso 1 – Carga horária do certificado USC: 30 horas.
Curso 2 – Carga horária do certificado USC: 21 horas.
Curso 3 – Carga horária do certificado USC: 21 horas.
Topicos Especiais – Carga horária do certificado USC: 14 horas.
2 Tópicos especiais são necessários para a conclusão da certificação totalizando 28 horas

ATENÇÃO: Aos profissionais que iniciaram ou completaram a Certificação com a estrutura antiga, TODOS OS CERTIFICADOS PERMANECEM VÁLIDOS. Aos que desejam completar ou refazer o programa neste novo formato, verifiquem a aba PERGUNTAS FREQUENTES. Os procedimentos para requerer dispensa nos Modulos já cursados.

 

Contaremos com tradução sequencial durante os cursos e apostilas traduzidas para o português.

Passo-a-passo-Site-Processo-Seletivo-para-Programa-USC-Chan-de-Certificação-e-Educação-Continuada-em-Integração-Sensorial-Ludens-Brasil-2022

Processo Seletivo para o Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial – Ludens -Brasil 2022

CLASSIFICAÇÃO: Clique no link abaixo para acessar a classificação. PARA ABRIR O ARQUIVO UTILIZE A MESMA SENHA QUE RECEBEU POR E-MAIL PARA ACESSO A PROVA

APENAS QUEM PARTICIPOU DA PROVA TERÁ ACESSO. NÃO REPASSE.

Sobre

Este curso abrange os princípios Neurocomportamentais básicos que sustentam a teoria de integração sensorial. As contribuições específicas dos sistemas sensoriais individuais são analisadas no contexto das atividades diárias e nas ocupações. São apresentados os Padrões típicos de disfunção de integração sensorial e suas implicações básicas para intervenção.

Informações

Data do Curso: 05 a 10 de Julho de 2022

Modalidade: On-line ao vivo, Ministrado em Inglês com tradutor sequencial para o Português do Brasil

Horário: Das 9:00h às 15 h todos os dias (Horário de Brasília)

Instrutora:  Stefanie Bodison OTD, OTR/L, C/NDT

Publico Alvo: Autorizado para Terapeutas Ocupacionais, Fisioterapeutas, Fonoaudiólogos, Psicólogos e Médicos.

Material: Apostila traduzida para o Português / Brasil (tradução autorizada pela USC).

Recomendações

É recomendado que o participante já tenha participado de algum curso introdutório sobre a técnica de IS, tenha conhecimento básico da neuroanatomia e também que faça a leitura da literatura relacionada à integração sensorial antes de participar do Curso I.

Referência de Curso Introdutório em Integração Sensorial acesse:

Curso de Integração Sensorial Introdutório

Investimento para o Curso 1

Valores de Inscrição após aprovação no processo seletivo:

R$ 4.998,00 – BOLETO à vista para 10/06 de 2022 (com desconto)

R$ 5.600,00 – CARTÃO DE CRÉDITO parcelado em até 6X sem juros (via PagSeguro)
R$ 5.600,00 – CARTÃO DE CRÉDITO parcelado de 7 a 12X com juros (3,99% ao mês – via PagSeguro)

O encerramento das inscrições está previsto para 30 dias antes da realização do curso ou poderá ser antecipado caso esgotem as vagas.

LEIA ATENTAMENTE O EDITAL PARA O PROCESSO SELETIVO ABAIXO

EDITAL

PROCESSO SELETIVO PARA INGRESSO NO CURSO 1
DO PROGRAMA DE CERTIFICAÇÃO EM INTEGRAÇÃO SENSORIAL USC
TURMA 2022 / CAMPINAS SP

A Ludens Cursos torna pública a abertura das inscrições e estabelece normas relativas ao Processo Seletivo para o ingresso no Curso 1 do Programa de Certificação em Integração Sensorial USC, para a turma de 2022. A previsão de realização do Curso 1 é no período de 05 a 10 de julho de 2022.

1. OBJETO DO EDITAL
O presente edital tem como objeto a seleção de estudantes para ingresso no Curso 1 do Programa de Certificação em Integração Sensorial USC. Se salienta que o ingresso é exclusivo para o Curso 1 (primeiro módulo do programa), não se estendendo aos demais módulos, que serão ofertados pela Ludens Cursos posteriormente, sem a necessidade do processo seletivo. O Curso 1 é pré-requisito para a participação nos demais cursos (módulos).

2. DO CURSO
2.1.O Curso 1 do Programa de Certificação em Integração Sensorial USC é um curso de extensão, que prevê a iniciação da qualificação dos profissionais liberados para a inscrição (explicitado em público alvo no descritivo do curso) na técnica de Integração Sensorial, seguindo o padrão de formação da University of Southern California Department of Occupational Science (USC), responsável pelo desenvolvimento e certificação deste programa no Brasil. Todos os detalhes do programa completo estão disponíveis no site da Ludens (acesso 2022), através do endereço eletrônico, na página https://ludenscursos.com.br/programa-usc-chan-certificacao-em-integracao-sensorial-brasil/
2.2. O candidato aprovado neste processo seletivo será contatado posteriormente (vide cronograma geral em Anexo) para que efetue a sua inscrição no curso em questão. O Curso 1 (primeiro módulo do programa), possui a carga horária total de 30 horas, e será realizado no formato online. Detalhes serão repassados aos alunos matriculados no Curso 1 em momento oportuno.
2.3 A apresentação dos documentos comprobatórios (RG, CPF, e diploma de graduação) será solicitada ao candidato selecionado após a apuração da classificação final, sendo esta apresentação OBRIGATÓRIA a todos os classificados aprovados. A prestação de informação ou documentação falsa fornecida pelo candidato selecionado, apurada a qualquer tempo, através de procedimento que lhe assegure o contraditório e a ampla defesa, causará o cancelamento da sua vaga, sem prejuízo das sanções penais cabíveis. A vaga liberada será repassada a outro candidato que se encontra em lista de espera, respeitando a mesma ordem classificatória das notas finais.

3. VAGAS E CANDIDATOS
3.1 O número final máximo de vagas será vinculado a NOTA DE CORTE. A nota obtida pelo(a) candidato(a) classificado(a) na colocação 180 será considerada a NOTA DE CORTE. Todos os candidatos que obtiverem nota igual ou maior a NOTA DE CORTE, estarão classificados. A nota de corte será o único critério utilizado para a limitação da turma.
3.2 Das vagas disponíveis para o Curso 1 (número total de aprovados), 80% serão exclusivas para Terapeutas Ocupacionais. O restante das vagas poderão ser preenchidas por graduados em Fisioterapia, Fonoaudiologia, Psicologia e Medicina (seguindo as regras da USC). Contudo, a CLASSIFICAÇÃO NA PROVA SERÁ PRIORITÁRIA para o preenchimento das vagas. Importante salientar que os profissionais das áreas de Fisioterapia, Fonoaudiologia, Psicologia e Medicina podem participar do Curso 1, não sendo possível concluir os demais cursos (módulos) deste programa.
3.3 Os aprovados serão aqueles que alcançarem as melhores notas no processo seletivo, e serão ranqueados de acordo com a NOTA DE CORTE. Portanto, será considerada para ocupação das vagas a classificação geral dos candidatos, tendo a nota final como base para a classificação.

4. INSCRIÇÕES PARA ESTE PROCESSO SELETIVO
4.1 As inscrições poderão ser realizadas exclusivamente nos canais da Ludens Cursos, pela internet através do site www.ludenscursos.com.br, ou via link disponível nas redes sociais.

4.2 PASSOS PARA A INSCRIÇÃO:
1º passo – Pagamento da taxa de inscrição: a taxa de inscrição para o processo seletivo será no valor único de R$ 70,00 (setenta reais), a ser pago via pix utilizando uma das chaves: CNPJ (19.654.757/0001-27) ou dados bancários (Safra AG. 0010 / CC. 580853-9). O COMPROVANTE DE PAGAMENTO DEVE SER SALVO para que seja anexado na inscrição posteriormente. A taxa de inscrição NÃO SERÁ DEVOLVIDA em qualquer hipótese, seja por questões técnicas de realização da prova, desistência do candidato, por motivos pessoais, entre outras possibilidades.
2º passo – Preenchimento do formulário de inscrição: o formulário de inscrição estará disponível no site e nas redes sociais da Ludens Cursos. O preenchimento deste formulário é de inteira responsabilidade do candidato. A confidencialidade das informações fornecidas, e também a proteção dos dados pessoais, está de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais – LGPD. As Bases Legais utilizadas neste processo seletivo serão as de Execução de Contrato, inclusive procedimentos preliminares, artigo 7º, V, LGPD, e Cumprimento de Obrigação Legal, artigos 7º, II, LGPD. O COMPROVANTE DE PAGAMENTO DA TAXA DE INSCRIÇÃO DEVERÁ SER ANEXADO NESTE FORMULÁRIO. Após conferência, caso o documento anexado não corresponda ao pagamento, a inscrição será cancelada e avisaremos sobre o cancelamento por e-mail.

4.3 No caso de inscrições duplicadas será considerada somente a última realizada.

4.4 A Ludens Cursos não se responsabiliza por solicitações de inscrição ou inscrição não concluída, seja por ordem técnica, falhas de operação e comunicação, problemas de rede, falha/falta de pagamento ou por quaisquer outros fatores que impeçam a transmissão de dados, principalmente, no último dia de inscrição.

5. PROCESSO SELETIVO E DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS
5.1 O processo de seleção acontecerá em etapa única. A prova será ofertada em ambiente online, através de link exclusivo disponibilizado por e-mail ao candidato que tiver confirmada a quitação da taxa de inscrição. O candidato que não tiver a confirmação do pagamento da taxa de inscrição, não receberá o link para a prova, portanto não terá direito de participar do processo seletivo. A duração da prova será de 2 horas a partir do horário agendado para início da mesma (seguindo o horário de Brasília). O cronograma com todas as etapas para este processo seletivo está disposto no Anexo deste documento.
5.2 Requisitos para a realização da prova:
• Ter boa conexão de internet;
• Acessar o link que enviaremos por e-mail utilizando prioritariamente um computador;
• É necessário que o candidato acesse a prova através de login e senha. O e-mail a ser utilizado para a abertura do link precisa ser do GMAIL. Se o candidato não possuir um e-mail com esta terminação (@gmail), deverá providenciar tal endereço, sendo este um serviço disponibilizado gratuitamente pelo Google. E-mails com outras terminações não são permitidos para este login de acesso à prova.
5.3 O candidato está ciente de que a violação das regras deste Edital poderá ocasionar sua eliminação do processo seletivo. Atos de infração que, porventura, não sejam identificados ao longo da prova, poderão ser verificados posteriormente através dos relatórios gerados.
5.4. Em caso de falha de energia, de conexão com a internet ou mesmo técnica durante a prova, a situação será avaliada pela comissão de seleção, que envidará máximos esforços para sanar o problema e dar continuidade na avaliação na mesma data. Contudo, não sendo possível a continuidade da avaliação, a comissão de seleção poderá determinar o cancelamento da prova em curso, e determinar nova data para o processo seletivo, o que será realizado com garantia de cumprimento de todas as normas do edital.
5.5 O resultado final, com a lista de classificados e candidatos em lista de espera, será publicado no site da Ludens Cursos, conforme o prazo estabelecido no cronograma apresentado no Anexo. O candidato que realizar a inscrição para o processo seletivo, autoriza a divulgação do resultado, incluindo o seu total de acertos (nota), nome completo do candidato, situação do candidato (aprovado / não classificado / lista de espera), e profissão.

6. CLASSIFICAÇÃO FINAL
6.1 Os candidatos selecionados serão aqueles que obtiverem maior número de acertos, levando em consideração o nível de dificuldade de cada questão (as questões serão dispostas em blocos, categorizados por valores distintos de acordo com a complexidade). Os candidatos serão classificados em ordem decrescente (do maior para o menor) de pontuação.
6.2 A nota obtida pelo(a) candidato(a) classificado(a) na colocação 180 será considerada a NOTA DE CORTE. Todos os candidatos que obtiverem nota igual ou maior a NOTA DE CORTE, estarão classificados. A nota de corte será o único critério utilizado para a limitação da turma. O número final de vagas será vinculado a NOTA DE CORTE. A comissão de seleção do curso é soberana no que concerne às suas decisões.

7. LISTA DE ESPERA
A lista de espera será formada pelos alunos que obtiveram a nota subsequente a NOTA DE CORTE. Os candidatos que estiverem em situação de espera serão acionados caso haja vaga remanescente devido a desistência de algum candidato selecionado, ou liberação de vaga por questões burocráticas (não apresentação, falsificação de documentos, etc). Além disso, a lista de espera só será acionada caso o número de alunos da turma tenha atingido 180 ou menos, sendo a NOTA DE CORTE redefinida, pela nota subsequente, assim utilizando o mesmo critério descrito no item 6.2 para nova classificação.

8. MATRÍCULA DO CURSO APÓS APROVAÇÃO NO PROCESSO SELETIVO
8.1 Os candidatos CLASSIFICADOS e APROVADOS no processo seletivo terão direito a matrícula para o Curso 1, respeitando o limite de vagas, conforme descrito no item 3.1 deste edital.
8.2 As matrículas serão realizadas de forma online conforme o cronograma em Anexo. A organização da Ludens Cursos entrará em contato com o candidato selecionado para confirmação de dados e solicitação dos documentos comprobatórios.
8.3 A apresentação dos documentos comprobatórios (RG, CPF, e diploma de graduação) será solicitada ao candidato selecionado após a apuração da classificação final, sendo esta apresentação OBRIGATÓRIA a todos os classificados. A prestação de informação ou documentação falsa fornecida pelo candidato selecionado, apurada a qualquer tempo, através de procedimento que lhe assegure o contraditório e a ampla defesa, causará o cancelamento da sua vaga, sem prejuízo das sanções penais cabíveis. A vaga liberada será repassada a outro candidato que se encontra em lista de espera, respeitando a ordem classificatória das notas finais.
8.4 Todos os prazos descritos no Anexo deste edital serão respeitados, não sendo possível a matrícula fora dos prazos estabelecidos. O atraso de envio da documentação, ou falta de retorno aos contatos da organização, seja por qualquer motivo, fará com que o candidato perca a vaga, sem chance de reavê-la. A vaga será liberada para outros classificados em lista de espera, até que todas as vagas disponíveis sejam preenchidas.

9. DISPOSIÇÕES FINAIS
9.1 Todas as publicações relacionadas ao presente processo de seleção, incluindo a íntegra deste edital, serão divulgadas no site da Ludens Cursos partir de 10/05/2022.
9.2 A inscrição ao processo de seleção implica o conhecimento e a aceitação de todas as condições estabelecidas neste edital e anexo, não podendo o candidato alegar desconhecimento para qualquer fim.
9.3 O exame de seleção terá validade exclusivamente para curso oferecido neste edital (Curso 1 para a turma de 2022).
9.4 Serão desclassificados candidatos que:
• Deixarem de cumprir ou de atender qualquer um dos itens ou regras publicadas do presente edital;
• Fizerem uso e/ou tentativas de uso de meios fraudulentos e/ou ilegais para a realização do processo de seleção;
• Deixarem de apresentar a documentação exigida no prazo determinado ou apresentação de documentos incompletos ou falsificados (vide item 2.3).
9.5 Os contatos com a comissão de seleção do curso deverão ser realizados, exclusivamente, através do e-mail: cursos@ludenscursos.com.br
9.6 Os casos omissos serão resolvidos pela comissão de seleção do curso.

Campinas/SP, 10 de maio de 2022


ANEXO

CRONOGRAMA GERAL

Data Programação
10/05/2022
Divulgação do Edital e abertura das inscrições para o processo seletivo.
IMPORTANTE: Todos os candidatos que enviarem o formulário de inscrição anexando o comprovante de pagamento, receberão automaticamente em seu e-mail a confirmação da inscrição e informações complementares (PARA A VERIFICAÇÃO DO RECEBIMENTO, INDICA-SE TAMBÉM A VISUALIZAÇÃO DO SPAM). O candidato deve contatar a equipe organizadora em caso de não recebimento.

17/05/2022
Encerramento das inscrições no processo seletivo.

18/05/2022
Envio do e-mail com o link para a prova (PARA A CONFIRMAÇÃO DO RECEBIMENTO, INDICA-SE TAMBÉM A VISUALIZAÇÃO DO SPAM). AGUARDAR ATÉ O FINAL DO DIA. Caso não receba, indicamos contatar a equipe no dia seguinte para evitar sobrecarga em nosso atendimento.

22/05/2022
DIA DO PROCESSO SELETIVO – A PROVA TERÁ INÍCIO AS 14:00 HORAS
E ENCERRAMENTO AS 16 HORAS (HORÁRIO DE BRASILIA).

24/05/2022
Divulgação dos classificados: aprovados e lista de espera.

AOS CANDIDATOS SELECIONADOS
25/05/2022
Recebimento do e-mail para efetivação da inscrição no
Curso 1 do programa de Certificação em I.S. USC.

01/06/2022
Encerramento das inscrições para o Curso 1 – Turma 2022

03/06/2022
Data limite para o envio da documentação comprobatória
para o e-mail cursos@ludenscursos.com.br

AOS CANDIDATOS EM LISTA DE ESPERA
08/06/2022
Havendo vaga remanescente, a lista de espera será acionada e o candidato nesta situação receberá e-mail de aviso

13/06/2022
Encerramento das inscrições para o Curso 1 – Turma 2022

15/06/2022
Data limite para o envio da documentação comprobatória
para o e-mail cursos@ludenscursos.com.br

05/07/2022
Data de início do Curso 1 (de 05 a 10 de julho 2022)

INDICAÇÃO DE REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS PARA ESTUDO:

AYRES, A.J.: La integracion sensorial enlosniños: desafios sensoriales ocultos. TEA Ediciones, Espanha, Edição, 2010.
BLANCHE, Erna Imperatore. Equilibrio sensorial: um guia sobre procesamiento sensorial para padres y profisionales. Therapy West, Inc., 2008.
BLANCHE, Erna I.; BOTTICELLI Tina M.; HALLWAY Mary K. Combinando os princípios do tratamento neuroevolutivo e integração sensorial. Therapy SKill Builders a Division of The Psychological Corporation, Tucson – Arizona.
COHEN, H. Neurociências para fisioterapeutas, 2º ed., Editora Manole, São Paulo, 2001.
DRUMOND, Adriana de França; REZENDE, Marcia Bastos. Intervenções da terapia ocupacional. Editora UFMG, Belo Horizonte – MG, 2008.
ECKMAN, L. L. Neurociência – Fundamentos para reabilitação. 3º ed. Rio de Janeiro: ELSEVIER, 2008.
FONSECA, V. Desenvolvimento Psicomotor e Aprendizagem. Artmed Editora, São Paulo, SP, 2008.
KANDEL, E. R.; SCHWARTZ, J.H.; JESSELL, TH. M. Fundamentos da neurociência e do comportamento. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, 1997.
LENT, R. Cem bilhões de neurônios: conceitos fundamentais de neurociência. 2ed. São Paulo: Atheneu, 2005.
LÓPEZ, P; ORTEGA C; MOLDES, V. Terapia Ocupacional em la Infancia: teoria y práctica. Editorial Médica Panamericana, 2008.
MACHADO, A. Neuroanatomia funcional. 3º ed. Ed. Atheneu, São Paulo, 2014.
MANTER & GATZ.: Elementos fundamentais de neuroanatomia e neurofisiologia. 6a. edição, São Paulo, editora Manole, 1984.
ROSA NETO, Francisco. Manual de avaliação motora. 2ª ed. (rev. e ampliada), Florianópolis, DIOESC, 2014.
SACKS, Oliver. O homem que confundiu sua mulher com um chapéu. São Paulo, Imago Editora, 1895.
SERRANO, Paula. A integração sensorial no desenvolvimento e aprendizagem da criança. Lisboa, Editora Papa-Letras, 2016.
SHUMWAY-COOK, A.; WOOLLACOTT, M.H. Controle Motor: teoria e aplicações práticas. 3ed. São Paulo: MANOLE, 2010. 632p.

O Este curso foi concebido para proporcionar aos participantes o conhecimento necessário para avaliar com precisão a função da integração sensorial e as disfunções em crianças. Os participantes irão aprender sobre uma variedade de ferramentas de avaliação disponíveis para medir a disfunção de integração sensorial. Além disso, os participantes irão usar observações clínicas e raciocínio clínico para desenvolver uma compreensão abrangente das diferenças sensoriais em várias populações clínicas e o impacto dessas diferenças sensoriais sobre o desempenho funcional.

Público Alvo: Autorizado apenas para Terapeutas Ocupacionais.

Material: Apostila traduzida para o Português / Brasil (tradução autorizada pela USC).

RECOMENDAÇÕES: Recomenda-se conhecimento básico em Estatística e em Testes de medidas de avaliação em Integração Sensorial.

PRÉ-REQUISITOS: Ter concluído o CE Curso 1 – Fundamentos Teóricos de Integração Sensorial: Da Teoria à Identificação.

Data e horário

Data: De 07 a 10 de abril de 2021 (quarta a sábado)

Carga horária: 21 horas

Horário (Horário de Brasília):

Das 13:00h as 20:00h

Local de Realização: ZOOM MEETING – LINK ENVIADO POSTERIORMENTE

CURSO ON-LINE

Este curso prepara os participantes para fornecer intervenção usando o quadro teórico de integração sensorial como referência. Estratégias para o planejamento de intervenções e raciocínio clínico baseado em princípios de integração sensorial são discutidos em profundidade. Uma visão geral das abordagens de intervenção em integração sensorial para diversas populações, explorando uma variedade de configurações.

Público Alvo: Autorizado apenas para Terapeutas Ocupacionais.

Material: Apostila traduzida para o Português / Brasil (tradução autorizada pela USC).

 

PRÉ-REQUISITOS: Ter concluído os CE Curso 1 e 2.

Data e horário

CE Curso 3  – Tratamento de Integração Sensorial: Da Intervenção à Participação.

Ministrante: Joan Surfus OTD, OTR/L – Terapeuta Ocupacional

Dias e Horários (21 horas de contato):

16 e 17/10 (sábado e domingo) das 13:00h as 20:00h (horário de Brasília)

23 e 24/10 (sábado e domingo) das 13:00h as 20:00h (horário de Brasília)

Local de Realização: ZOOM MEETING – LINK ENVIADO POSTERIORMENTE

CURSO ON-LINE

Após a conclusão dos Cursos CE 1, 2 e 3, os participantes terão a oportunidade de escolher dois cursos a partir de uma variedade de tópicos especiais, que são mais apropriados à sua prática clínica. Para conclusão da Certificação são necessários no mínimo 2 tópicos completando 28 horas

Estes cursos avançados abrangem uma variedade de tópicos especiais sobre a aplicação dos princípios de integração sensorial em determinado contexto. Tópicos especiais incluem Integração Sensorial em Ambientes Escolares (14 horas), Integração Sensorial e Intervenção Precoce (14 horas), Integração Sensorial para Indivíduos no Transtornos do Espectro Autista (14 horas) e O Processo de Alimentação com base Sensorial (14 horas).

Excepcionalmente devido a Pandemia, foi desenvolvido um Modulo Online Único com 28 horas abrangendo  Integração Sensorial para Indivíduos com Transtornos do Espectro Autista, Intervenção Precoce e Ambientes Escolares.

Publico Alvo: Autorizado apenas para Terapeutas Ocupacionais.

Material: Apostila traduzida para o Português / Brasil (tradução autorizada pela USC).

PRÉ-REQUISITOS: Ter concluído o CE Curso 1, 2 e 3, ou equivalência da Programa WPS/USC (vide Perguntas Frequentes).

Data e horário

TÓPICO ESPECIAL – MÓDULO UNIFICADO (ONLINE)

Abordando Integração Sensorial para Indivíduos com Transtornos do Espectro Autista, Intervenção Precoce e Ambientes Escolares.

Ministrante: Joan Surfus OTD, OTR/L – Terapeuta Ocupacional

Dias e Horários (28 horas de contato):

01 a 05/11 (segunda e sexta) das 13:00h as 20:00h (horário de Brasília)

Local de Realização: ZOOM MEETING – LINK ENVIADO POSTERIORMENTE

CURSO ON-LINE

Instrutores de renome mundial

A Certificação em Integração Sensorial, foi desenvolvida por eminentes especialistas no campo da Terapia Ocupacional que estudaram diretamente com a Dra. A. Jean Ayres, criadora da Integração Sensorial como marco de referência; Integração Sensorial Ayres ®. Todos os instrutores são docentes na universidade, pesquisadores ou mestres clínicos em Terapia Ocupacional com experiência no estudo do processamento sensorial e disfunções sensoriais relacionadas.

Os instrutores para o Programa de Certificação USC Integração Sensorial Educação Continuada (CE) são renomados líderes na pesquisa de integração sensorial, educação e prática. Os instrutores são terapeutas ocupacionais licenciados/registrados com doutorado e/ou mais de 20 anos de experiência clínica.
A USC prove este curso de treinamento monitorado que oferece a oportunidade aos alunos para a discussão e colaboração direta com os instrutores assegurando o domínio e consistência do conteúdo em todos os locais em que o curso é oferecido. Os instrutores atuais da USC Sensory Integration Continuing Education (CE) Certificate Program são:

 

Erna Blanche PhD, FAOTA, OTR/L

Dra. Erna Imperatore Blanche é graduada em Terapia Ocupacional pela Universidade do Chile (Santiago), fez Mestrado em Educação Especial pela Universidade de Columbia – USA. É Ph.D. em Ciências Ocupacionais pela Universidade Sul da Califórnia – USA, especialista em Terapia Ocupacional infantil e intervenções baseadas nas Ciências Ocupacionais. É autora de dois livros e uma série de vídeos em práticas pediátricas correlacionando o tratamento neuroevolutivo e os princípios da Integração Sensorial. Autora de numerosos artigos em inglês e espanhol sobre práticas clínicas, publicados em revistas de alto impacto científico como American Journal of Occupational Therapy, Occupational Therapy International, The Journal of Occupational Science. Dra Erna é instrutora do Método de Integração Sensorial em mais de 20 países e ainda é responsável pela Therapy West Inc., clínica fundada por ela em parceria com o departamento de Terapia Ocupacional da Universidade do Chile, localizada em Los Angeles – USA.

 

Stefanie Bodison OTD, OTR/L, C/NDT

Dra. Stefanie Bodison é graduada pela University of Southern Califórnia e tem-se especializado em técnicas sensório-motoras e de intervenção no desenvolvimento neurológico com crianças, por mais de 20 anos. As populações com as quais tem trabalhado, incluem crianças com autismo, dispraxia do desenvolvimento, paralisia cerebral, transtorno do desenvolvimento da coordenação e dificuldades de aprendizagem, além da preocupação com suas famílias. A pesquisa atual da Dra. Bodison centra-se na utilização de técnicas de imagem multimodal (MRI, fMRI e DTI) para investigar os mecanismos neurais da integração sensório-motora em crianças com uma variedade de condições de desenvolvimento neurológico. Dra. Bodison atualmente detém a concessão KL2 Mentored Career Development Award from the Southern California Clinical and Translational Science Institute at the University of Southern California (NIH/NCRR/NCATS #KL2TR000131). De 2011 a 2013, foi bolsista do Programa de Treinamento e Pós-Doutorado sobre Testes de Eficácia e Eficiência na Reabilitação, um Programa de Formação Pós-Doutorado T32 NIH financiado na USC Chan Division of Occupational Science and Therapy (1T32 HD64578-1A1). Dra. Bodison é especializada no tratamento de crianças com dificuldades motoras orais e de alimentação, assim como, a combinação de integração sensorial e técnicas de tratamento neurodesenvolvimentista (Neuro-Developmental Treatment™), visando os desafios da vida diária em crianças com autismo, dificuldades de aprendizagem, paralisia cerebral, disfunções de Integração Sensorial e desordens neuromotoras. Ministrou disciplinas sobre integração sensorial e problemas de alimentação e deglutição em crianças, nos Estados Unidos e internacionalmente, atualmente é professora na pediatria da USC Chan Division of Occupational Science and Occupational Therapy.

Mais informações no site da USC: Stefanie Bodison

 

Gustavo Reinoso PhD, OTR/L

Gustavo Reinoso recebeu o título de terapeuta ocupacional na Universidade do Litoral na Argentina e seu PhD na Nova Southeastern University (NOVA) nos Estados Unidos (USA). O Dr. Reinoso obteve sua formação e treinamento avançado em terapia ocupacional, investigação, pediatria, e integração sensorial. Tem publicado capítulos em livros, artigos, e artigos de opinião nos temas relacionados à terapia ocupacional, pediatria e integração sensorial. Gustavo apresenta seus trabalhos anualmente em conferências nacionais e internacionais. Atualmente é co-fundador de Advance Therapy Systems (ATS), um centro terapêutico que proporciona serviços especializados na clínica e na comunidade para crianças, adolescentes e adultos na Republica da Irlanda. Este centro enfatiza a utilização da integração sensorial, assim como também, a combinação de abordagens terapêuticas e técnicas de medição através da utilização de programas inovadores. O Dr. Reinoso ministra cursos e oficinas nos EUA, na América Latina (Argentina, Chile, México, Peru, Venezuela e Brasil), Europa (Espanha, Irlanda e Reino Unido) e nos Países Árabes (Arábia Saudita). Gustavo faz parte do grupo de instrutores para Certificação Americana de Integração Sensorial através do Western Psychological Services (WPS) e na University of Southern Califórnia (USC) e também na certificação na Integração Sensorial no Reino Unido (UK) e na República da Irlanda (IR) através do Sensory Integration Network (SIN-UK-IR).

 

Sharon Cermak EdD, OTR/L, FAOTA

Sharon Cermak recebeu seu título de bacharel em Terapia Ocupacional da Universidade do Estado de Ohio, o grau de Master of Science em Terapia Ocupacional pela Universidade de Boston, Programa de Pós-Graduação, e seu doutorado em Educação Especial da Universidade de Boston. Dra. Cermak é conhecida pela sua perícia no Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação/ Dispraxia, um interesse de longa data dela. Ela co-editou o texto inicial, “Distúrbios do Desenvolvimento da Coordenação”, e, mais recentemente, serviu como um membro de uma Força-Tarefa NIH em Distúrbios Motores da Infância.

Mais informações no site da USC: Sharon Cermak

 

Juliana Gutiérrez MA, OTR/L, FAOTA

Terapeuta Ocupacional graduada pela Escola Colombiana de Reabilitação ligada à Universidade de Nuestra Señora del Rosario, em Bogotá. Mestre em Terapia Ocupacional pela University of Southern Califórnia (USC). Especialista em Ensino Superior pela Universidade de Nuestra Señora del Rosario (Universidad del Rosario), Bogotá, Colombia. Completou os estudos avançados em Integração Sensorial pela USC e no Método Neuroevolutivo na Associação de Neurodesenvolvimento. Possui licença para práticas avançadas em alimentação e deglutição pelo Conselho de Terapia Ocupacional da Califórnia. Atualmente trabalha como Supervisora Clínica na Therapy West Inc. em Los Angeles, USA. Ministra cursos na área de Integração Sensorial e técnicas de avaliação na America Latina e nos EUA.

 

Joan Surfus, OTD, OTR / L, SWC

Joan é terapeuta ocupacional  possui mais de 25 anos em prática clínica pediatria. Recebeu seu diploma de bacharel na Western Michigan University e seu mestrado e doutorado clínico na Misericordia University. Dra. Surfus é Professora Assistente Adjunta de Terapia Ocupacional Clínica na USC Mrs. T.H. Chan Division of Occupational Science and Occupational Therapy, ensinando Disfagia ao longo da vida: Pediatria através de Geriatria, bem como o Programa de Treinamento Clínico em Integração Sensorial. A Dra. Surfus também é o Coordenadora Clínica de Terapia Ocupacional e especialista em alimentação da Pediatric Therapy Network em Torrance, Califórnia. Seu foco tem sido a intervenção pediátrica, com ênfase em alimentação, distúrbios motores-orais e disfagia, integração sensorial e espectro do autismo. A Dra. Surfus ensina regularmente nessas áreas em nível local, nacional e internacional. Quando não está trabalhando, ela passa seu tempo livre como voluntária no exterior, prestando serviços para crianças com necessidades especiais e treinando funcionários em uma escola em Honduras e ensinando voluntariamente na Rússia com a Naked Heart Foundation.

A Integração Sensorial é uma técnica de tratamento que foi preconizada pela Terapeuta Ocupacional americana Jean Ayres. Inicialmente foi dirigida a crianças que apresentavam distúrbio de aprendizagem e atualmente a sua utilização se ampliou também aos portadores de disfunções neurológicas, que se beneficiam com a sua aplicação em hospitais, instituições, clínicas e escolas.

Esse é um processo pelo qual o cérebro organiza as informações, de modo a dar uma resposta adaptativa adequada, para organizar as sensações do próprio corpo em relação ao ambiente. As nossas capacidades de processamento sensorial são usadas para a interação social, o desenvolvimento de habilidades motoras e para a atenção e concentração.

“Ayres define a integração sensorial como sendo a organização de informações sensoriais, proveniente de diferentes canais sensoriais e a habilidade de relacionar estímulos de um canal a outro, de forma a emitir uma resposta adaptativa.”

Saiba Mais sobre Integração Sensorial em Especialidades
Artigo sobre Integração Sensorial no Blog da Ludens

Terapia Ocupacional com base na Integração Sensorial

Integração Sensorial (IS)
A Integração Sensorial é uma área de especialidade da Terapia Ocupacional que se baseia em mais de 40 anos de pesquisa e desenvolvimento da teoria. O termo “integração sensorial” refere-se a:

  • A forma como o cérebro organiza as sensações para o envolvimento na ocupação
  • Uma teoria baseada na neurociência que fornece a perspectiva para avaliar as dimensões sensoriais do comportamento humano
  • Um modelo para a compreender a forma com que a sensação afeta o desenvolvimento
  • Avaliações incluindo testes padronizados, observação sistemática, e entrevistas com pai ou professor que identificam padrões de disfunções de integração sensorial
  • Estratégias de intervenção que melhoram o processamento de informações, a práxis, e o engajamento na vida diária dos indivíduos.

História da Integração Sensorial

A especialidade de integração sensorial (SI) foi originalmente desenvolvida pela A. Jean Ayres PhD, OTR, que era ao mesmo tempo terapeuta ocupacional e psicóloga educacional. Como parte do corpo docente de terapia ocupacional da USC, ela desenvolveu um quadro teórico, um conjunto de testes padronizados (hoje conhecidos como os Testes de Integração Sensorial e Práxis – SIPT), e uma abordagem clínica para identificação e tratamento de problemas de IS em crianças. Suas publicações sobre integração sensorial abrangem um período de 30 anos a partir da década de 1960 até a década de 1980, e incluem estudos psicométricos, bem como ensaios clínicos e estudos de casos individuais.

O que significa Terapia Ocupacional com base em Integração Sensorial?
A maior parte das pesquisas e da prática em Integração Sensorial é focada em crianças que têm uma série de dificuldades de desenvolvimento e aprendizagem, incluindo autismo e outras deficiências e condições de risco do desenvolvimento, comportamento e distúrbios de atenção, dificuldades de aprendizagem e dispraxia. Uma avaliação minuciosa é fundamental para determinar se um problema de processamento sensorial é um fator no desenvolvimento da criança, e em caso afirmativo, definir quais as estratégias de intervenção que mais irão ajudar esta criança e sua família.
A intervenção clássica geralmente ocorre dentro de um ambiente terapêutico especialmente concebido que permite ao terapeuta apresentar desafios sensoriais e de movimento específico para a criança, que gradualmente aumentam em complexidade ao longo do tempo. Este tipo de intervenção é caracterizado por uma atmosfera lúdica em que a criança é incentivada a gerar ideias para atividades, para responder de forma flexível a novos desafios e desenvolver a confiança, bem como a competência.
A intervenção inclui consultas e instrução aos pais, professores e outros profissionais de saúde, modificação de ambientes e inclusão de atividades com base sensorial apropriada ao longo do dia. A aplicação dos princípios de integração sensorial dentro das clinicas, empresas e instituições leva em consideração as demandas sensoriais no local de trabalho. A aplicação em outras populações leva em conta, também, as diferenças e exigências sensoriais e práticas desta população, como por exemplo, adultos com autismo.

Mais sobre Integração Sensorial
O termo integração sensorial tem um significado especial para terapeutas ocupacionais. Em alguns contextos, é usado para se referir a um modo particular de visualização da organização neural de informação sensorial para o comportamento funcional. Em outras situações, este termo refere-se a um quadro clínico de referência para a avaliação e tratamento das pessoas que têm distúrbios funcionais no processamento sensorial. Ambos os significados foram originados na obra de A. Jean Ayres, terapeuta ocupacional e psicóloga educacional, cujas pesquisas originais e insights clínicos brilhantes revolucionaram a prática da terapia ocupacional com crianças.
As ideias de Ayres “marcaram o início de uma nova forma de olhar para as crianças e compreender melhor sobre o desenvolvimento, aprendizagem e problemas emocionais que surgem durante a infância.

Integração Sensorial no desenvolvimento da criança
Uma das contribuições mais distintas que Ayres realizou para entender o desenvolvimento da criança era seu foco no processamento sensorial, principalmente com relação aos sentidos proximais (vestibular, táteis e proprioceptivos). Do ponto de vista da integração sensorial, esses sentidos são enfatizados pois são primitivos e primário; eles dominam as interações da criança com o mundo no início da vida. Os sentidos distais, de visão e audição são críticos e tornam-se cada vez mais dominantes a medida em que a criança amadurece. Ayres acreditava, no entanto, que os sentidos centrados no corpo são uma base sobre a qual as ocupações complexas são construídas.
Além disso, quando Ayres começou seu trabalho, os sentidos, vestibular, tátil e proprioceptivo foram praticamente ignorados pelos estudiosos e médicos que estavam interessados no desenvolvimento da criança. Ela, então, dedicou sua carreira a estudar os papéis que esses sentidos esquecidos desempenham no desenvolvimento e na gênese de problemas de desenvolvimento das crianças. Uma suposição básica feita por Ayres, era que a função do cérebro é um fator crítico para o comportamento humano. Ela fundamentou, portanto, que o conhecimento da função e disfunção cerebral lhe daria uma visão sobre o desenvolvimento da criança e assim a ajudaria a entender os problemas de desenvolvimento das crianças.
No entanto, Ayres também tinha uma orientação pragmática que surgiu de sua experiência profissional como terapeuta ocupacional. Ela estava preocupada especialmente com o modo como as funções do cérebro afetavam a capacidade da criança de participar com sucesso em ocupações cotidianas. Consequentemente, o seu trabalho representa uma fusão de insights neurobiológicos com as preocupações práticas e cotidianas dos seres humanos, em particular das crianças e suas famílias.
Assim que Ayres desenvolveu suas ideias sobre a integração sensorial, ela usou termos como integração sensorial, resposta adaptativa e práxis de maneiras que refletissem sua orientação. Ela tirou outros termos da literatura e outros campos. Quando Ayres emprestou um termo de outro campo, no entanto, ela conferiu um significado especial para ele. Por exemplo, Ayres não usou o termo integração sensorial para se referir unicamente às conexões sinápticas intrincadas dentro do cérebro, como os neurocientistas. Em vez disso, ela aplicou a processos neurais e como eles se relacionam com o comportamento funcional. Daí sua definição de que a integração sensorial é a “organização da sensação para o uso” (Ayres, 1979, p. 5). Esta inclusão da cláusula final “para uso”, define uma marca de Ayres, pois amarra o processamento sensorial à ocupação da pessoa.
Ayres introduziu um novo vocabulário da teoria da integração sensorial e sintetizou conceitos importantes da literatura neurobiológica para organizar seus pontos de vista sobre o desenvolvimento da criança e disfunção. Muitas dessas ideias foram publicadas pela primeira vez em seu livro clássico de 1972Sensory Integration and Learning Disorders  (Integração Sensorial e Transtornos de Aprendizagem). Mais tarde, em 1979 (com reedição em 2004), ela escreveu um livro para os pais, Sensory Integration and the Child (Integração Sensorial e a Criança) , delineando as mudanças de comportamento que podem ser observadas em uma criança à medida em que a integração sensorial se desenvolve.

 

De Parham, D., & Mailloux, Z. (2001). Sensory Integration. In J. Case-Smith (Ed.), Occupational therapy for children (pp. 329-381). Philadelphia, PA: Mosby.

Como a certificação em IS da USC se compara a outros cursos de IS oferecidos ao redor do mundo?

O programa da USC de Certificação em IS tem sido desenvolvida por uma equipe de especialistas altamente qualificados em IS. O material apresentado neste programa baseia-se na rica história da IS originada por A. Jean Ayres, PhD, OTR e é reforçada por atualizações nos resultados da investigação e evolução dos métodos clínicos. O programa de certificação em IS da USC é apoiado por um dos mais prestigiados programas de Terapia Ocupacional no mundo, o qual se encontra abrigado em uma das principais universidades de pesquisa, globalmente conectada. Os participantes podem ter certeza que as informações que serão oferecidas estão fundamentadas no trabalho original da Dra. Ayres e com base na ciência atual e aplicável em práticas clínicas atuais.

Porque a USC desenvolveu um novo programa de educação continuada em IS?

A Integração Sensorial teve sua origem pela professora emérita da USC, A. Jean Ayres, PhD, OTR, que possuía as formações em Terapia Ocupacional e Psicologia Clínica. Dra. Ayres desenvolveu a base teórica, um conjunto de testes padronizados e uma abordagem clínica para a identificação e remediação (tratamento) dos problemas de Integração Sensorial em crianças. Suas publicações sobre IS, desde 1960 até os anos 80, abrangem um período de 30 anos e incluem estudos psicométricos bem como ensaios clínicos e séries de casos únicos. A divisão Chan de Ciência e Terapia Ocupacional da USC tem uma rica história de formação avançada no treinamento em IS, começando com turmas práticas iniciais, OT 610, sendo conduzido o ensino pela Dra. Ayres desde o início da USC, em 1977. Através do desenvolvimento continuado e aperfeiçoamento do conteúdo e dos materiais, ao longo de 35 anos, a divisão Chan continua empenhada em defender o legado do trabalho da Dra. Ayres na ciência e na aplicação clínica da IS e sentimos que esse compromisso seria melhor apresentado através de um programa de educação continuada sobre IS, tanto nos EUA como no resto do mundo.

A USC é a única detentora dos direitos deste programa de certificação, assim como responsável por toda a definição da realização ou alteração dos módulos e suas modalidades (se presencial ou online). Por tanto, a permanência ou não da realização do programa no Brasil é algo determinado pela própria USC, e a oferta dos módulos, presenciais ou online, também são definições da mesma Universidade. A Ludens Cursos não tem qualquer direito, poder ou responsabilidade de oferecer todos os módulos anualmente, assim como não interfere na transformação da categoria (presencial ou online), conteúdo e carga horária dos módulos. A Ludens Cursos mantem contato direto com a Universidade, com empenho e responsabilidade, levando os interesses dos profissionais brasileiros, contudo é a USC que repassa as determinações.

Quem é elegível para O Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) completo?

O Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) foi concebido por terapeutas ocupacionais tendo os terapeutas ocupacionais como público-alvo primário.
São elegíveis para a série completa de cursos e para o certificado final, Terapeutas Ocupacionais graduados em universidades de Terapia Ocupacional, reconhecidas/aprovadas pelo órgão de educação governamental do país.
Alunos de TO do 4º Ano da Graduação podem fazer os cursos, mas não são elegíveis para o Certificado de Integração Sensorial CE USC, até que se graduem como Terapeutas Ocupacionais.

Fisioterapeutas e fonoaudiólogos são elegíveis para completar o programa USC Sensorial Certificado de Integração CE?

No Brasil, estes profissionais podem participar apenas do CE Curso 1 – Fundamentos Teóricos de Integração Sensorial: Da Teoria à Identificação
Nos EUA, fisioterapeutas e fonoaudiólogos que se formaram em universidades de fisioterapia e fonoaudiologia, reconhecidas/aprovadas por órgão de educação governamental dos EUA, são elegíveis para a série completa de cursos e certificado. Como os cursos são desenvolvidos visando terapeutas ocupacionais, os TO´s têm prioridade na inscrição do curso, e um número limitado de fisioterapeutas e fonoaudiólogos podem ser admitidos.

Posso usar meu certificado do Programa Anterior de Certificação WPS/USC, para completar o novo Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE), posso eliminar algum curso?

Para terapeutas ocupacionais dos cursos concluídos nos últimos 10 anos, o antigo Curso 1 USC / WPS (Teoria SI) terá equivalência para o novo Curso 1 USC CE (também teoria IS) e o curso USC/WPS 4 (SI Intervenção) terá equivalência para o novo Curso 3 USC CE (também intervenção IS). Para candidatar-se a compensação, os participantes terão de preencher o formulário de “consideração especial” e enviar o formulário, juntamente com cópias de seus certificados. Sobre este formulário a Ludens irá disponibilizar em breve assim que tivermos a confirmação das datas para os Cursos 2 e 3.

Isto significa que os únicos cursos exigidos para obter o novo certificado do Programa de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial da USC (CE) serão os: CE Curso 2 (21 horas) e as 28 horas de Tópicos Especiais em Integração Sensorial (2 cursos de 14 horas cada).

Equivalência de Cursos para candidatar-se a “Consideração Especial”:
Certificação em Integração Sensorial – WPS/USC – nos últimos 10 anos Programa de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial da USC (CE)
Curso 1 Curso 1
Curso 4 Curso 3

 

Em que formato os cursos do Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) são oferecidos?

Os cursos Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) são oferecidos presencialmente em Los Angeles a partir de agosto de 2016. Cursos CE ocorrerão presencialmente em todo os Estados Unidos e internacionalmente a partir de 2017. Datas e locais serão atualizadas regularmente. ficação
Os cursos on-line no Site da USC, em Inglês, também estarão disponíveis a partir do final de 2016. Cada curso será oferecido on-line uma vez por ano. Os cursos on-line podem ser concluídos ao longo de um período de 6-8 semanas em um formato assíncrono. O instrutor estará disponível para responder a perguntas e facilitar as discussões, conforme necessário.

Quais são as qualificações dos instrutores que ensinam os cursos do Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE)?

Os instrutores do Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE) são renomados especialistas de terapia ocupacional na investigação integração sensorial, educação e prática, com titulação de doutorado e/ou com mais de 20 anos de experiência clínica. Os instrutores primários para este programa são da faculdade USC.

A USC irá manter um banco de dados de terapeutas que tenham concluído o Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE)?

Sim, após a conclusão de todo o Programa USC Chan de Certificação e Educação Continuada em Integração Sensorial (CE), os participantes poderão optar por disponibilizar suas informações de contato profissional para as famílias e como referência, através de um banco de dados on-line.